Guia de Comandos


Guia de comandos linux baseado no Guia Foca



Navegar usando este índice

Especial | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Todos

F

find

Procura por arquivos/diretórios no disco. find pode procurar arquivos através de sua data de modificação, tamanho, etc através do uso de opções. find, ao contrário de outros programas, usa opções longas através de um "-".

find [diretório] [opções/expressão]

Onde:

diretório

Inicia a procura neste diretório, percorrendo seu sub-diretórios.

opções/expressão
-name [expressão]

Procura pelo nome [expressão] nos nomes de arquivos e diretórios processados.

-depth

Processa os sub-diretórios primeiro antes de processar os arquivos do diretório principal.

-maxdepth [num]

Faz a procura até [num] sub-diretórios dentro do diretório que está sendo pesquisado.

-mindepth [num]

Não faz nenhuma procura em diretórios menores que [num] níveis.

-mount, -xdev

Não faz a pesquisa em sistemas de arquivos diferentes daquele de onde o comando find foi executado.

-amin [num]

Procura por arquivos que foram acessados [num] minutos atrás. Caso for antecedido por "-", procura por arquivos que foram acessados entre [num] minutos atrás até agora.

-atime [num]

Procura por arquivos que foram acessados [num] dias atrás. Caso for antecedido por "-", procura por arquivos que foram acessados entre [num] dias atrás e a data atual.

-gid [num]

Procura por arquivos que possuam a identificação numérica do grupo igual a [num].

-group [nome]

Procura por arquivos que possuam a identificação de nome do grupo igual a [nome].

-uid [num]

Procura por arquivos que possuam a identificação numérica do usuário igual a [num].

-user [nome]

Procura por arquivos que possuam a identificação de nome do usuário igual a [nome].

-inum [num]

Procura por arquivos que estão localizados no inodo [num].

-links [num]

Procura por arquivos que possuem [num] links como referência.

-mmin [num]

Procura por arquivos que tiveram seu conteúdo modificado há [num] minutos. Caso for antecedido por "-", procura por arquivos que tiveram seu conteúdo modificado entre [num] minutos atrás até agora.

-mtime [num]

Procura por arquivos que tiveram seu conteúdo modificado há [num] dias. Caso for antecedido por "-", procura por arquivos que tiveram seu conteúdo modificado entre [num] dias atrás até agora.

-ctime [num]

Procura por arquivos que teve seu status modificado há [num] dias. Caso for antecedido por "-", procura por arquivos que tiveram seu conteúdo modificado entre [num] dias atrás até agora.

-nouser

Procura por arquivos que não correspondam a identificação do usuário atual.

-nogroup

Procura por arquivos que não correspondam a identificação do grupo do usuário atual.

-perm [modo]

Procura por arquivos que possuam os modos de permissão [modo]. Os [modo] de permissão pode ser numérico (octal) ou literal.

-used [num]

O arquivo foi acessado [num] vezes antes de ter seu status modificado.

-size [num]

Procura por arquivos que tiverem o tamanho [num]. [num] pode ser antecedido de "+" ou "-" para especificar um arquivo maior ou menor que [num]. A opção -size pode ser seguida de:

  • b - Especifica o tamanho em blocos de 512 bytes. É o padrão caso [num] não seja acompanhado de nenhuma letra.

  • c - Especifica o tamanho em bytes.

  • k - Especifica o tamanho em Kbytes.

-type [tipo]

Procura por arquivos do [tipo] especificado. Os seguintes tipos são aceitos:

  • b - bloco

  • c - caracter

  • d - diretório

  • p - pipe

  • f - arquivo regular

  • l - link simbólico

  • s - sockete

A maior parte dos argumentos numéricos podem ser precedidos por "+" ou "-". Para detalhes sobre outras opções e argumentos, consulte a página de manual.

Exemplo:

  • find / -name grep - Procura no diretório raíz e sub-diretórios um arquivo/diretório chamado grep.

  • find / -name grep -maxdepth 3 - Procura no diretório raíz e sub-diretórios até o 3o. nível, um arquivo/diretório chamado grep.

  • find . -size +1000k - Procura no diretório atual e sub-diretórios um arquivo com tamanho maior que 1000 kbytes (1Mbyte).

  • find / -mmin 10 - Procura no diretório raíz e sub-diretórios um arquivo que foi modificado há 10 minutos atrás.

  • find / -links 4 - Procura no diretório raíz e sub-diretórios, todos os arquivos que possuem 4 links como referência.

finger

Mostra detalhes sobre os usuários de um sistema. Algumas versões do finger possuem bugs e podem significar um risco para a segurança do sistema. É recomendado desativar este serviço na máquina local.

finger [usuário] [usuário@host]

Onde:

usuário

Nome do usuário que deseja obter detalhes do sistema. Se não for digitado o nome de usuário, o sistema mostra detalhes de todos os usuários conectados no momento.

usuário@host

Nome do usuário e endereço do computador que deseja obter detalhes.

-l

Mostra os detalhes de todos os usuários conectados no momento. Entre os detalhes, estão incluídos o nome do interpretador de comandos (shell) do usuário, diretório home, nome do usuário, endereço, etc. Estes dados são lidos de /etc/passwd.

-p

Não exibe o conteúdo dos arquivos .plan e .project

Se for usado sem parâmetros, mostra os dados de todos os usuários conectados atualmente ao seu sistema.

Exemplo: finger, finger root.

free

Mostra detalhes sobre a utilização da memória RAM do sistema.

free [opções]

Onde:

opções
-b

Mostra o resultado em bytes.

-k

Mostra o resultado em Kbytes.

-m

Mostra o resultado em Mbytes.

-o

Oculta a linha de buffers.

-t

Mostra uma linha contendo o total.

-s [num]

Mostra a utilização da memória a cada [num] segundos.

O free é uma interface ao arquivo /proc/meminfo.

ftp

Permite a transferência de arquivos do computador remoto/local e vice versa. O file transfer protocol é o sistema de transmissão de arquivos mais usado na Internet. É requerida a autenticação do usuário para que seja permitida a conexão. Muitos servidores ftp disponibilizam acesso anônimo aos usuários, com acesso restrito.

Uma vez conectado a um servidor ftp, você pode usar a maioria dos comandos do GNU/Linux para operá-lo.

ftp [ip/dns]

Abaixo alguns dos comandos mais usados no FTP:

ls

Lista arquivos do diretório atual.

cd [diretório]

Entra em um diretório.

get [arquivo]

Copia um arquivo do servidor ftp para o computador local. O arquivo é gravado, por padrão, no diretório onde o programa ftp foi executado.

hash [on/off]

Por padrão esta opção está desligada. Quando ligada, faz com que o caracter "#" seja impresso na tela indicando o progresso do download.

mget [arquivos]

Semelhante ao get, mas pode copiar diversos arquivos e permite o uso de curingas.

send [arquivo]

Envia um arquivo para o diretório atual do servidor FTP (você precisa de uma conta com acesso a gravação para fazer isto).

prompt [on/off]

Ativa ou desativa a pergunta para a cópia de arquivo. Se estiver como off assume sim para qualquer pergunta.

Exemplo: ftp ftp.debian.org.